martes, 4 de noviembre de 2008

Corona triste e os 14 minutos

Hj foi um dia dificil, um montao de stress, bastante trabalho, e depois das 18 hs ainda tinha muito por fazer. Decidi que finalizaria o trabalho desde casa, precisava, rapido, de uma Corona. Deixei o escritorio as 18.23 e cheguei em casa 18.45. Ao momento de abrir a Corona, comecei a escutar sirenes de bombeiros e ambulancias rasgando desesperadamente a rua, uma amiga me liga "Estas bien?", ligo a TV e me dou conta de que as 18.40 um aviao pequeno (9 pessoas) caiu exatamente na rua que fica poucos metros do meu escritorio e em que eu tinha passado uns 14 minutos antes!! (nota: nao, nao era a rua do lado, a rua pertinho, a rua "logo ali", era A rua que apenas tinha passado, e que todos pinche dias passo!!). Agora, na TV aquelas cenas horriveis, um monte de fogo, fumaça, varios carros incendiados, montao de bombeiros e toda essa coisa ... e eu aqui, vivinho da silva .... tomando minha Corona. Uma Corona triste.

7 comentarios:

Fer Prado dijo...

Esses dias comentei com um grande amigo, Isma, que estava ultimamente com muita sorte.
Ele rapidamente me advertiu, "Fer, no es suerte, es Dios, wey".

Juliana dijo...

Concordo com o Isma!
Deus está muito do seu lado!

Muitos stress, conforme qq um pode ver nos seus post.....

sinais??

DERÊ-JH dijo...

CARÁCAS, PRECISAMOS AUMENTAR AS ORAÇÕES PARA QUE OS ANJOS NUNCA CAIAM NO SONO.

juju dijo...

rolou!

nem dijo...

freud explica ! nesta tarde ao telefono ... DIA 5 el otro dia...

Carol Schaefer dijo...

Isso mostra que está na hora de voltar pro Brasil ...
Muitos Combos ... sem aviões, terremotos, furacões etc ... hihihi
Bjocas

rinata dijo...

poxa, fer. que susto!
volta vai!
beijos